Será que o Óleo de Coco Realmente Ajuda Você a Perder Peso?

Será que o óleo de coco ajuda a perder peso de verdade? Visto que é extraído da carne do coco, existem rumores de que o óleo impulsiona a perda de peso na dieta.

Como ele é derivado de uma planta e não de produtos de origem animal…

muitos tem acreditado que o óleo de coco é uma rica fonte de gordura saturada, segundo a dietista chamada Alyssa Cohen, com sede na Flórida.

Pessoas que fazem a dieta paleo muitas vezes usam o óleo de coco como um substituto da manteiga, banha de porco e outras fontes de gordura saturada.

Também é adicionado em alimentos como batatas fritas, assados e bebidas como café e smoothies para aumentar a saciedade.

Para reduzir mais ainda o apetite, algumas pessoas bebem uma colher de sopa de óleo de coco com água quente antes da refeição.

Então, devemos realmente levar a sério essa relação do óleo de coco com a perda de peso? seria a hora de mudar o óleo de que utilizamos?

Veremos a seguir o que alguns especialistas dizem sobre este caso.

Como supostamente o óleo de coco ajuda a perder peso?

O óleo de coco contém uma concentração relativamente alta em triglicerídeos de cadeia média (MCTs).

Se trata de um ácido gordo que o organismo processa de forma eficiente, mais do que as gorduras dietéticas…

de cadeia longa que são encontradas na maioria dos alimentos, como carne e produtos lácteos, de acordo com Cohen.

Os ácidos graxos de cadeia longa acabam tomando uma rota cênica enquanto estão sendo…

quebrados ou metabolizados, configurando o tecido adiposo ao longo do caminho.

Já os MTCs, pegam um atalho que lhes permitem ser metabolizados mais rapidamente e queimados com energia.

No entanto, atualmente não existem evidências que comprovem a relação do óleo de coco com a perda de peso legitimamente.

A nutricionista Dafna Chazin, com base em Nova Jersey diz: “Os poucos estudos em pequena escala que foram realizados mostram que o consumo de óleo de coco pode causar reduções de peso muito modestas.”

Mas não existem evidências que sugerem que isso poderia levar a uma perda significativa de peso, ou talvez levar a uma perda de peso a longo prazo.

Um estudo recente publicado no Jornal de Nutrição Europeu descobriu que o óleo de coco não teve um bom desempenho…

comparado com o azeite de oliva para aumentar o metabolismo ou a saciedade entre mulheres com sobrepeso.

De todos os macronutrientes que encontramos, as gorduras são as mais densas caloricamente, com cerca de 37 kj por grama.

O óleo de coco por sua vez, contém 502 kj em apenas uma colher de sopa e 12 g de gordura saturada.

Para muitos, isso é mais da metade do valor diário recomendado.

“Ao gerenciar o peso, o mais importante é a conscientização do kilojoule – praticando o controle da porção adequada e espalhando porções de gordura ao longo do dia”, diz Chazin.

TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE

“Adicionar o óleo de coco ao seu café ou smoothie sem equilibrar aqueles kilojoules extras em outros lugares do seu dia provavelmente levará ao ganho de peso, e não à perda”.

As dietas funcionam porque criam um déficit de kilojoules, porém o óleo de coco é excessivamente elevado podendo não provocar a perda de peso segundo o dietista Sheri Kasper.

Perca gordura, mas também tenha gordura saudável

óleo de coco

Mesmo que ao usar o óleo de coco sozinho não ajude a abandonar esses quilinhos, você pode entrar em um efeito dominó de hábitos alimentares mais saudáveis.

Adicionar certa medida de gordura às refeição por lhe ajudar a ficar mais completo lhe dando mais saúde, o que leva a menos lanches entre as refeições.

“O óleo de coco também cria um perfil de sabor diferente, provavelmente aumentando a saciedade do gosto”, acrescenta a dietista registrada e blogueira Jennifer Kanikula.

“Se você está mais satisfeito depois de uma refeição física e mentalmente, não é provável que sinta necessidade de ter kilojoules adicionais em outras horas do dia”.

A melhor maneira de incorporar o óleo de coco na sua rotina de perda de peso … e ainda perder peso? Basta fazer parte de uma dieta geral saudável, diz Kasper.

Esta gordura por ser usada como substituto de outras gorduras saturadas, como a banha de porcelana, carne e manteiga.

Se deseja usar óleo de coco para dar mais sabor e textura aos seus alimentos, prefira o óleo de coco não refinado ou extra virgem, que tem níveis mínimos de processamento.

Este tipo de óleo não tem refinamento, branqueamento ou desodorização, e ainda mantém o sabor puro do alimento.

Segundo Kasper, o ponto do óleo de coco é de 176 graus Celsius, o que torna-se uma excelente escolha para assar e saltear, mas não para fritar.

Em termos de comparação, o azeite aquece até 204 graus Celsius, o que o torna ainda melhor para cozinhar em alta temperatura.

O óleo de coco pode saborear seu smoothie, basta adicionar uma ou duas colheres de chá.

Por adicionar 1/4 de xícara a sua granola caseira, combinando com uma fonte de proteína para dar mais impulso a saciedade.

Pode também combinar com a clara de ovo mexido ou uma porção de iogurte grego com granola polvilhado.

Apenas uma colher de chá de óleo de coco também pode dar aquele saboroso sabor ao assado de legumes.

Será que o óleo de coco também é bom para hidratar a pele? veja aqui.

Este artigo foi originalmente publicado em www.womenshealthmag.com

Matérias Recomendadas

VEJA TAMBÉM
loading...
Compartilhe:

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *